Releases

Iluminada, nova 14 de Julho traz brilho nos olhos de quem passa

Uma das principais mudanças no visual é a retirada dos postes de luz.

Era nos olhos das crianças e até dos adultos que brilhava o encanto pela nova 14 de Julho, no centro de Campo Grande. A noite de ontem (29) foi dia de emoção, festa, muita alegria e presença das famílias da Capital.

Até para quem estava ali há mais de 30 anos, não esperava que o resultado fosse tão surpreendente. “A gente acompanhou tudo. Vimos na planta, a obra acontecer, mas ficou muito melhor do que eu estava imaginando. Agora sim, nossas lojas serão valorizadas, os clientes vão andar sentindo mais segurança com essa iluminação que parece dia. Nem preciso mais usar as lâmpadas extras que tinha instalado”, afirmou o comerciante e proprietário da Ótica e Relojoaria Seiko, Cézar Nogueira, de 51 anos.

Uma das principais mudanças da revitalização é a retirada dos postes de luz, transformando radicalmente a identidade da região central, considerada hoje, o mais novo cartão postal de Campo Grande.

Responsável pelas obras de adequação do sistema elétrico e da desativação de toda a rede existente, a Energisa acreditou no projeto, focando nos benefícios para a população e na valorização do comércio local.

“Essa obra é representativa porque resgata a história, a cultura e a economia do centro da cidade, que ao longo dos anos deu espaço para outras regiões da Capital. A parceria entre a distribuidora e a prefeitura demonstra o compromisso com quem trabalha e reside na área central”, afirmou Marcelo Vinhaes, diretor-presidente da Energisa.

O Projeto Nossa Energia também estacionou por lá levando conhecimento, e experiências para as famílias, brindes para os participantes da palestra sobre consumo consciente de energia, além de pipoca.

“Nossa, aprendi tanta coisa! Tem muita informação curiosa e interessante sobre a energia elétrica, né? Diminuir o tempo de banho e não deixar no quente, desligar as luzes dos quartos quando não tiver ninguém são atitudes que vamos tentar colocar em prática agora e em família”, comentou Helena Silva Gonçalves, funcionária pública, que foi com a família inteira prestigiar o caminhão.

Para sua filha,Thaís Vitoria Gonçalves Neves, de 16 anos, o alerta foi em relação aos aparelhos celulares. “A gente tem a mania de usar o celular enquanto está carregando. Mas não vou mais fazer isso pensando na economia de energia”, compartilhou.

Para alegrar quem prestigiou a inauguração, teve show da Turma do Balão Mágico, apresentação da Orquestra Infantil Indígena de Campo Grande e Orquestra Sinfônica Municipal, entre outros.

Energisa e Reviva Centro

O Reviva Centro ressurgiu em 2017. Na época, a prefeitura procurou a concessionária de Energia Elétrica para apresentar o projeto. Após o período de análise e aprovação, teve início a execução das obras. Para garantir a qualidade do trabalho, equipes de eletricistas foram enviadas para o Centro de Treinamento da Enel, em São Paulo, para capacitação em operação e manutenção de redes subterrâneas.

 

Compartilhe!